Falando de Clarice

Live Maria Fernanda Candido e Zezé Motta, Falando de Clarice

Considerada uma das maiores escritoras do Brasil, ela foi romancista, contista, cronista, tradutora e jornalista. Clarice Lispector se estivesse viva, faria 100 anos neste ano de 2020. O centenário da escritora será o tema da live de duas grandes atrizes brasileiras: Zezé Motta e Maria Fernanda Cândido. Com mais de 50 anos de carreira, ícone da cultura brasileira, Zezé Motta além de grande admiradora da escritora vive há quase uma década no apartamento em que morou Clarice por muitos anos, no bairro do Leme, na Zona Sul do Rio. Já Maria Fernanda Cândido, uma das atrizes de maior sucesso no Brasil, à frente de inúmeros personagens marcantes na TV, teve um papel recente no filme “A Paixão Segundo G.H”, dirigido por Luiz Fernando Carvalho, a partir do livro homônimo de Clarice Lispector, publicado em 1964. Além de conexões com a escritora, Zezé e Maria Fernanda se declaram fãs das obras de Lispector.

 

Um oferecimento da Perfumaria Phebo, marca brasileira criada em 1930 em Belém do Pará, que com sua linha de perfumes Biblioteca Olfativa convida seus clientes a colecionarem sensações, inspirações e memórias.

 

O bate-papo “Falando de Clarice” acontecerá na próxima segunda-feira (21.07), às 18h, e poderá ser visto pelo perfil das atrizes (@mariafernandacandidooficial e @zezemotta).

 

“Não escrevo para fora, escrevo para dentro”. Assim a escritora Clarice Lispector (1920-1977) explicava sua literatura.