Comemorando 50 anos de carreira, Zezé Motta revisitou sua carreira no quadro Meu Vídeo É um Show durante o Vídeo Show

Zezé Motta entre Joaquim Lopes e Otaviano Costa

Zezé Motta

Zezé Motta entre Joaquim Lopes e Otaviano Costa

Zezé Motta com Otaviano Costa

Zezé Motta com Otaviano Costa

Zezé Motta com Otaviano Costa

Zezé Motta

Zezé Motta com Otaviano Costa

Zezé Motta entre Joaquim Lopes e Otaviano Costa

Confira o programa completo em: https://globoplay.globo.com/v/6304434/

11.11.2017


Luiz Melodia ganha tributo no Circo Voador

Zezé Motta

Um dos grandes da MPB, Luiz Melodia, morto em agosto, é homenageado no espetáculo Estação Melodia. Um time de respeito revisita clássicos do Negro Gato. Zezé Motta canta Juventude Transviada. Mart’nália vai de Estácio Holly Estácio e a banda Picassos Falsos lembra Magrelinha. Negra Melodia, de Jards Macalé e Waly Salomão, é recriada por Omar Salomão e Qinho. Frejat, Alceu Valença, Elba Ramalho, Geraldo Azevedo, Elisa Lucinda, Duda Brack e Jonas Sá, entre outros, entram na festa, ao lado do guitarrista Renato Piau, fiel escudeiro de Melodia. Circo Voador. Arcos da Lapa, s/nº, Lapa. Quarta (8), a partir das 21h. R$ 80,00 (1º lote).

08.11.2017


Zezé Motta na Coluna Mônica Bergamo – Folha de São Paulo:

Zezé Motta Mônica Bergamo Folha de São Paulo

30.10.2017


Zezé Motta posa para o Instituto Avon em combate ao câncer de mama:

Zezé Motta para Instituto Avon

Zezé Motta para Instituto Avon

Zezé Motta para Instituto Avon

Durante o Outubro Rosa, o Instituto Avon reuniu mulheres ligadas à causa do câncer de mama para um ensaio fotográfico com o objetivo de falar sobre o cuidado com a vida. A intervenção artística é assinada pela artista plástica e fotógrafa Verena Smit.

A campanha usa a expressão artística de cada uma das dez mulheres escolhidas para contar suas diferentes histórias, experiências, relações e impressões sobre a doença. Entre as representantes temos Luiza Brunet, Andrea Zanin, Silvia Carvalho, Clarisse Galli, Dra. Rita Dardes, Zezé Motta, Luzinéia de Oliveira, Sabrina Parlatore, Laura Wie e Marcelle Domingues, todas retratadas pelas lentes de Camila Svenson.

No trabalho, Verena Smit trouxe por meio de um poema bordado o sentimento, a sutileza e a presença de cada uma das mulheres. Já as flores trazem a leveza, esperança, o brotar, o renascer e florescer.

“Tenho uma pessoa muito próxima e importante para mim que recentemente foi diagnosticada com câncer de mama. Uma mulher jovem, cheia de saúde e com planos de ter filhos em breve. De repente foi tudo por água abaixo. Fazer este trabalho foi uma maneira de mostrar a minha solidariedade com quem está passando por isso também. É um tema muito importante e delicado, porém a medicina avançou muito e há cura, sim. Essa é a parte bonita, da esperança e da vontade de viver”, destaca Verena Smit.

As obras, com intervenção artística da Verena Smit, estarão disponíveis para venda na Godê Galeria e a renda será revertida para instituições parceiras do Instituto Avon, entre elas a UNACCAM.

“Há 14 anos o Instituto Avon abraçou o combate ao câncer de mama como foco de seu investimento social e desde então atua para que o diagnóstico precoce seja acessível para todas as mulheres. A parceria com a Verena Smit nos ajuda a ampliar o alcance da nossa mensagem com o viés da arte, para lembrar-nos da importância de falarmos a respeito do câncer de mama, dando visibilidade à luta e engajamento das mulheres que participaram conosco”, destaca Daniela Grelin, gerente sênior do Instituto Avon.

30.10.2017


Zezé Motta participa da gravação oficial do samba-enredo do Salgueiro em 2018

Zezé Motta emprestou a sua voz para uma participação pra lá de especial no CD das escolas de samba do Grupo Especial, mais especificamente na faixa do Salgueiro, que levará para a Sapucaí em 2018 o enredo ‘Senhoras do ventre do mundo’, desenvolvido pelo carnavalesco Alex de Souza.

Zezé Motta na gravação do samba enredo do Salgueiro 2018 Zezé Motta na gravação do samba enredo do Salgueiro 2018 Zezé Motta na gravação do samba enredo do Salgueiro 2018 Zezé Motta na gravação do samba enredo do Salgueiro 2018 Zezé Motta e Xande de Pilares, na gravação do samba enredo do Salgueiro 2018

No ar na novela ‘O outro lado do paraíso’, da TV Globo, Zezé que possui uma carreira musical paralela a de atriz, tem uma forte ligação com a Academia do Samba: foi na Vermelha e Branca que a artista desfilou pela primeira vez no Carnaval. O ano foi 1963 e o enredo, sobre a escrava diamantinense Xica da Silva, deu o campeonato à agremiação naquele ano. E foi a partir do desfile do Salgueiro que Cacá Diegues resolveu rodar o filme homônimo, um dos maiores sucessos do cinema brasileiro, com 3 milhões de espectadores, e que alçou Zezé Motta ao estrelato.

 

“Essa foi a primeira escola de samba que desfilei. Tenho boas lembranças. Fiquei muito emocionada com o convite para essa gravação. Foi um lindo reencontro”, destacou Zezé na ocasião da sua participação na gravação do CD.

 

Fotos: Alex Nunes

27.10.2017


Zezé na Vogue Brasil:

27.10.2017