Zezé Motta e o Olodum, direto do Pelourinho…

Zezé Motta Pelourinho, com Olodum

Zezé Motta Pelourinho, com Olodum

Zezé Motta Pelourinho, com Olodum

Zezé Motta Pelourinho, com Olodum


Zezé Motta Pelourinho, com Olodum 1551714_10201287328165581_2069342942_n

Zezé Motta Pelourinho, com Olodum Zezé Motta Pelourinho, com Olodum Zezé Motta Pelourinho, com Olodum Zezé Motta Pelourinho, com Olodum

O Festival de Música e Artes Olodum (Femadum) abriu na última nesta sexta-feira (24) as pré-comemorações de Carnaval. O evento terminou no domingo (26) e entre as atrações esteve o debate sobre cinema negro e cultura, homenagens aos negros e apresentações de Banda Tribo de Jah do Maranhão (sábado), a cantora e atriz Zezé Motta e a Banda Olodum (domingo).

O evento contemplou diferentes linguagens artísticas, a música afro no geral, passando pelo samba reggae criado pelo saudoso Mestre Neguinho do Samba, a literatura afro e os workshops. Em 2014, o Femadum teve como novidades a presença do audio visual com a exibição  dos filmes já realizados com o Olodum, clipes musicais e miniseries sobre a temática afrobrasileira,  que foram exibidos no cinema e nas emissoras televisivas. Após as exibições, houve uma Roda de Conversação sobre o negro no cinema e a identidade cultural do Brasil, em que estarão presentes os produtores dos filmes, atores, protagonistas das miniséries e especialistas em linguagem audiovisual.

A programação do festival contemplou também o Femadumzinho,  que este ano completou a 20ª edição. O tema foi “Meninas Douradas do Olodum”, que mostrou a luta das mulheres por igualdade de direitos e cidadania feminina no contexto das atividades  carnavalescas por meio de oficinas de Percussão samba reggae e trançagem/turbantes.

Crédito das fotos: Sandra Rozados.

Postado por Equipe Zezé Motta.

28.01.2014


Zezé Motta em Fortaleza #NegraMelodia

zezé motta caixa cultural fortaleza 2014
A CAIXA Cultura Fortaleza apresenta, de 17 a 19 de janeiro, o show “Negra Melodia”, da cantora Zezé Motta. O repertório conta com grandes sucessos dos compositores Luiz Melodia e Jards Macalé, nomes que marcaram época em vários estilos da música brasileira, como o samba e o soul.
O espetáculo celebra aos 45 anos de carreira de Zezé Motta, que está em turnê pelo Brasil. Além das composições de Luiz Melodia e Jards Macalé, Zezé canta sucessos como “Magrelinha”, “Fadas”, “Estácio Holly Estácio”, “Pérola Negra”, “Vale Quanto Pesa”, “Divina Criatura” e “Vapor Barato”. O momento marcante do show fica por conta das canções “Senhora Liberdade”, “Muito Prazer” e “Rita Baiana”.
A voz poderosa de Zezé Motta ficou conhecida nos anos 1970, quando ela gravou o primeiro disco solo, com canções inéditas de Rita Lee e Moraes Moreira. Ela também imortalizou clássicos como “Trocando em Miúdos”, de Chico Buarque e Francis Hime, e “Pecado Original”, de Caetano Veloso. O talento de Zezé vai além da música. Atriz consagrada, com dezenas de novelas e filmes na carreira, é considerada a “rainha negra do Brasil” pela atuação no filme “Xica da Silva”, em 1976. A artista ficou internacionalmente conhecida pelo papel no longa-metragem “Orfeu”, de 1999.
Serviço:
“Zezé Motta no show Negra Melodia”
Data: de 17 a 19 de janeiro de 2014 (de sexta-feira a domingo)
Horário: sexta e sábado às 20h e domingo às 19h
Local: Teatro da CAIXA Cultural Fortaleza
Endereço: Av. Pessoa Anta, 287 – Praia de Iracema – Fortaleza (CE)
Duração: 80 minutos
Classificação etária: livre
Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada para estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA e pessoas acima de 60 anos)
Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Informações: (85) 3453-2770
Postado por colabores: (♪ ♫ Equipe Zezé Motta ♪ ♫)

13.01.2014


Zezé Motta em Exposição #SP

 

Zezé Motta

Fotografias de pessoas negras que hoje ocupam lugares na sociedade em que, num passado não muito distante, não se via nenhuma estão em exposição na Caixa Cultural em São Paulo. Elas foram inspiradas na vida, na obra e na luta do abolicionista Luiz Gama. A mostra contém 12 painéis fotográficos e fica em cartaz até 19 de janeiro de 2014. Quem se interessar pode visitar o espaço de terça a domingo, das 9h às 19h. A entrada é livre.

Dividida em quatro temas (arte, direito, mulher e morte), a exposição traz à tona o olhar dos fotógrafos Walter Firmo, Eustáquio Neves, Denise Camargo e Eduardo Firmo sobre essa situação. Negro, poeta e advogado, o homenageado pela mostra, Luiz Gonzaga Pinto da Gama, lutou combativamente pelo fim da escravidão no Brasil. Sua vida e sua obra foram intensamente pesquisados pelo curador Walter Firmo.

Zezé Motta, Paula Lima, Maria Gal, Antonio Pitanga, Luiz Melodia, Oswaldo Faustino e Gésio Amadeu são algumas das celebridades que compõem o trabalho.

Caixa Cultural Sé 
http://www.caixacultural.com.br

Praça da Sé, 111 – 8º andar
Sé – Centro
São Paulo
(11) 3321-4400

08.01.2014


Zezé Motta no Segundo Caderno! #Arquivos

Zezé O Globo 21 de Julho de  2007

08.01.2014


Dublei a Úrsula!

Uma curiosidade sobre a dublagem é que todo mundo pensa que eu também cantei Ciclo Sem Fim, de O Rei Leão (também da Disney). Por incrível que pareça, quem cantou foi um rapaz. As únicas vezes que eu dublei foram os meus próprios personagens, numa época em que o som direto no cinema nacional não era bom. Mas, fora isso, só dublei a Úrsula porque é um trabalho muito difícil sincronizar (a fala com o movimento dos lábios do personagem). Também trabalhei em um timbre que deixava com a voz dolorida. Mas gostei de fazer a Úrsula.

Zezé Motta dublou a Úrsula em A Pequena Sereia

17.12.2013


Homenagem: Nelson Mandela!

Sonho com o dia em que todos levantar-se-ão e compreenderão que foram feitos para viverem como irmãos. (Nelson Mandela)

Nelson Mandela

Nelson-Mandela

nelson-mandela

Nelson Mandela - portrait

15.12.2013