Zezé Motta nos anos 80

Zezé Motta nua

 

Uma lembrança de quando a vida era mais divertida, livre, leve e nua. Fazíamos arte sem muitos artifícios. Ou era, ou não era. Colava ou não colava. Não tinha meio termo. Aliás não existia o meio… Com vocês uma era, anos 80… irreverente! E o Motta com 1 “T” só. Beijos e axé de quem viveu, vive e se Deus quiser viverá ainda mais. (disse Zezé Motta)